IA identifica infecção pelo novo coronavírus em 15 segundos

A disseminação do novo coronavírus foi seguida por um esforço mundial para entender a doença. Além de identificar e tratar os pacientes, é necessário colocá-los sob cuidado especial para impedir que a infecção causada pelo vírus alcance o status de epidemia. No início de fevereiro, pesquisadores divulgaram os marcadores obtidos de imagens de tomografia computadorizada (CT) do pulmão que podem ser utilizados para identificar a infecção. Entretanto, o exame das imagens por médicos especializados pode levar até 15 minutos, exigindo a análise comparativa de múltiplas imagens. A evolução do quadro do paciente também é analisada pelo exame, o que torna o processo repetitivo. Nos locais onde há número elevado de infectados, o tamanho do corpo médico também pode representar um gargalo no processo diagnóstico.

Para facilitar essa etapa, a empresa chinesa Ping An anunciou, no último dia 19, que estava disponibilizando um sistema de análise de imagens de CT baseado em inteligência artificial capaz de entregar um diagnóstico em 15 segundos, com 90% de precisão. O modelo foi treinado usando dados clínicos de pacientes diagnosticados anteriormente, sendo capaz de analisar imagens múltiplas do mesmo paciente e determinar mudanças nas lesões através do tempo. Além do diagnóstico inicial, isso permite aos médicos acompanhar a evolução da doença e avaliar o efeito do tratamento. O objetivo da ferramenta é auxiliar o corpo médico na administração dos casos de suspeita de infecção.

Até o final de fevereiro, a empresa diz que o sistema já foi adotado por 1500 instituições médicas, auxiliando o diagnóstico de mais de 5000 pacientes. Além de uma versão local, o software também está disponível na nuvem, inclusive em versão pública. A ferramenta pode ser incorporada aos equipamentos de leitura de CT para entregar o diagnóstico praticamente em tempo real.

Em situações como essa onde a velocidade de reação da comunidade internacional é essencial, a possibilidade de desenvolver rapidamente soluções baseadas em inteligência artificial é muito bem-vinda.